<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Transformação Digital e oportunidades para revendas de TI na educação
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Transformação Digital e oportunidades para revendas de TI na educação
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI

Gestão de saúde dos colaboradores passa por transformação

Publicado em 17/jan/2014 10:00:00

Mapear, organizar e gerenciar os dados da empresa facilitou a gestão da Oi Telecom.

140117 Gestão de saúde dos colaboradores blog resized 600

O panorama de gestão de pessoas nas empresas está passando por mudanças, especialmente no que se refere à gestão de saúde dos colaboradores. Como os dados sobres esses funcionários são captados de diversas fontes, a tendência é que as informações sobre a saúde deles acabem totalmente desintegradas, o que acaba aumentando os gastos com planos de saúde que muitas vezes se tornam desnecessários.

O desafio é integrar, cruzar os dados e gererenciar a saúde dos profissionais das empresas. Nesse cenário, a tecnologia de análise de dados do Big Data pode desempenhar um papel importantíssimo para organizar a gestão de saúde populacional de hoje. A importância disso é que diante do aumento da expectativa de vida do brasileiro, está se iniciando um problema de envelhecimento da força de trabalho. Isso significa que as empresas precisam conseguir pelo menos diminuir os custos e oferecer qualidade de vida para os colaboradores.

No entanto, esse posicionamento exige certa urgência. De acordo com um levantamento da Funcional, a frequência de internação de pessoas com 60 anos ou mais é de 16,5%. Essa porcentagem cai para 9,3% no grupo composto por pessoas entre 40 e 59 anos. Outro estudo do Instituto de Estudo de Saúde Suplementar (IESS), mostra o aumento de 40,4% nos gastos com a população idosa no plano de saúde individual, comparando o crescimento de 2010 a 2030 e de 47,9% nos planos coletivos no mesmo período.

Big Data: ideal para mapear e gerenciar dados

A Oi Telecom, por exemplo, já iniciou seu processo de mudanças para evitar custos desnecessários com planos de saúde. A empresa implantou um programa para a integração e gerenciamento da saúde dos seus mais de 20 mil colaboradores, que somando seus dependentes, totalizam 50 mil vidas em todo país.

Mapear os colaboradores nas 267 cidades em que atua foi o primeiro passo. A partir daí, foi necessário traçar os perfis e considerar as realidades locais. Atuando de forma mais específica foi possível melhorar o nível de saúde dos colaboradores. O objetivo da empresa com esse mapeamento era o de conhecer melhor a população e com isso trabalhar ações mais focadas e personalizadas, baseadas nos problemas que cada cidade apresentava. A companhia já possuía diversos programas voltados à saúde do colaborador como o benefício de medicamento, check-up dos executivos e exames periódicos, programas de qualidade de vida, planos de saúde e odontológico. Juntar e cruzar essas informações foi um ponto essencial para a gestão da saúde dos profissionais e seus dependentes.

Dessa forma surgiu o Programa Vida Saudável, que tem foco no gerenciamento de colaboradores com alguma patologia ou aqueles que são predispostos a desenvolver as doenças crônicas. Baseado em mapeamento dos fatores de risco como sedentarismo, estresse, obesidade e tabagismo, feito por tecnologias de análises de informações do banco de dados da própria empresa. Hoje, 2 anos depois do início do programa, a Oi já apresenta diminuição de 11,2% na projeção da frequência de internações, além da redução no custo total, ou seja, a cada R$ 1 gasto, a empresa economizou R$ 1.70.

describe the image

Tecnologia revolucionará o sistema de saúde mundial 

Fonte: http://informationweek.itweb.com.br/16985/integracao-de-dados-e-chave-para-gestao-da-saude-dos-funcionarios/

Categorias: Healthcare