<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora

Novas tecnologias como suporte ao ensino superior

Publicado em 24/jan/2018 5:00:00

Entenda como as ferramentas da transformação digital têm beneficiado cursos na modalidade de ensino à distância (EAD).

Novas tecnologia como suporte ao ensino superior

O uso da tecnologia no ambiente escolar é a utilização de computadores, internet, hipermídia, redes sociais e plataformas digitais como parte do processo de ensino-aprendizado. No ensino superior, ainda que elas possam ser aplicadas normalmente em cursos presenciais, as novas ferramentas se destacam como parte importante para que seja possível oferecer o ensino à distância.

Nesta modalidade de ensino o uso de chats, grupos e listas de discussão, correio eletrônico e outros elementos se colocam como recurso e linguagem principal para que a educação se torne efetiva e eficiente.

O EAD se estrutura, geralmente, por meio de tecnologias que tornem os processos mais colaborativos, sempre com o objetivo de aumentar a produtividade por meio de ferramentas de conectividade e de serviços de mobilidade. Assim, é possível que alunos e professores interajam sem que precisem estar em um mesmo lugar. É o conceito de construção de um campus inteligente, que apresenta uma infinidade de possibilidades.

 

AS SOLUÇÕES

 

Existem dois componentes principais para a implantação de soluções tecnológicas na busca por um sistema educacional de maior qualidade para o ensino superior, principalmente para que o EAD tenha o suporte necessário. São eles:

 

Conectividade e Mobilidade (BYOD)

O conceito de Bring Your Own Device, em português “traga seu próprio dispositivo”, tem se inserido cada vez mais em empresas e instituições de ensino. Sua principal contribuição para o EAD é a possibilidade, como o nome sugere, de que o aluno faça todas as atividades e projetos em um dispositivo com o qual está acostumado, tornando o aprendizado mais confortável e eliminando a necessidade de se deslocar até laboratórios.


Otimizadores de Ambientes de Trabalho (Workforce Experience)

Soluções que melhorem processos internos e execução de atividades tem ganhado cada vez mais espaço, oferecendo bases para uma maior conexão entre indivíduos e grupos de projetos, permitindo a identificação de talentos e fraquezas, alinhando esforços e buscando uma experiência cada vez melhor. Quando consideramos que o ensino EAD marcado por um distanciamento e impessoalidade, soluções que aproximam o aluno da experiência de estar em uma sala de aula acabam oferecendo maior motivação para os estudos.

 

OS DESAFIOS DA INFRAESTRUTURA

 

Seja na educação superior presencial ou no EAD, existem diversos elementos que exigem a atenção das equipes de TI no momento de selecionar e fornecer serviços para garantir a conectividade exigida.

Logo de início, é necessário garantir uma rede que suporte acessos simultâneos de diversos terminais, uma vez que, mesmo no ensino à distância, os demais departamentos devem estar acessíveis caso o aluno precise consultá-las, principalmente em casos de aulas ao vivo. Ela deve ser capaz de rodar aplicações de voz e vídeo, promovendo a interatividade das lições.

A otimização da aula e a redução dos custos com deslocamento de professores pode ser alcançada utilizando salas de telepresença e plataformas de transmissão. Assim, a lição dada no modelo presencial é a mesma transmitida para turmas EAD.

As tecnologias ainda traz diversas facilidades por oferecer avaliações de disciplina, de forma que o estudante pode dar um feedback sobre o ensino, sobre as ferramentas e serviços assim que a lição é encerrada, fornecendo bases para que as metodologias sejam constantemente aperfeiçoadas.

Soluções de virtualização acabam por oferecer, ainda, a facilidade de manter a matéria disponível para o aluno por tempo indeterminado, de forma que ele pode acessá-la de qualquer lugar a qualquer hora, além de conferir maior interatividade às aulas, abrindo maior espaço para debates e deixando o estudante mais confortável.

O suporte que as tecnologias oferecem para o EAD ainda é observado na possibilidade de o professor aplicar provas online, reduzindo custos com material e recursos da instituição de ensino, além de se relacionar com uma postura mais sustentável e otimizando o tempo de resposta e de correções.

Com as possibilidades que aliam imagem, som e movimentação, o atendimento às necessidades dos alunos se torna mais eficiente, colocando o EAD como uma opção viável para a formação de novos profissionais e melhorando processos de aulas presenciais.

Estimular e garantir condições para que a comunicação instantânea aconteça no ambiente escolar é, assim, uma forma de intensificar a troca de conhecimentos entre professores e alunos, tornando os processos mais dinâmicos, criativos e colaborativos.

Com espaços mais inteligentes, as universidades e escolas podem aumentar sua eficiência e melhor se adequar às mudanças, promovendo o aumento da qualidade dos serviços prestados e, consequentemente, dos profissionais que serão formados.

 


Fontes:
https://www.cisco.com/c/m/pt_br/cases/educacao.html

http://www.arcos.org.br/artigos/docencia-no-ensino-superior-o-uso-das-novas-tecnologias-na-formacao-de-professores-na-licenciatura/

https://www.cisco.com/c/pt_br/solutions/industries/education/smart-workspaces.html

 

Categorias: Transformação Digital, Tecnologia na Educação