<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Partner Portal
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis
  • Partner Portal
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis

4 questões sobre coleta e armazenamento de dados para SMBs

Publicado em 13/abr/2017 5:00:00

O desenvolvimento de estratégias de gerenciamento de dados pelas PMES é um desafio.

4 questões sobre coleta e armazenamento de dados para SMBs

Uma infindável quantidade de dados é coletada e armazenada pelas empresas atualmente. O que fazer com eles, como utilizá-los e transformá-los em informação relevante é um desafio que se apresenta às organizações. Para se ter uma ideia da quantidade de dados produzidos, o IDC fez uma previsão que, em 2020, estarão circulando cerca de 44 zettabytes, sendo que cada zettabyte corresponde a 1 bilhão de terabytes.

 

Para as empresas, captar e armazenar dados, sobretudo para as de porte pequeno e médio, figura como um diferencial competitivo, pois representa uma oportunidade crescimento, já que haverá possibilidades de analisar, por exemplo, tendências e preferências dos clientes. Em um mercado com muita concorrência, como a web, esses dados podem gerar vantagem competitiva.

 

No entanto, da mesma forma que é fundamental entrar de vez na era dos grandes dados, é preciso ficar atendo à infraestrutura necessária para recolher, tratá-los e armazená-los. Outra grande ameaça ignorada é que a falta de infraestrutura também é prejudicial na proteção desses dados, tornando-as vulneráveis a ataques de hackers e também, por mais incrível que possa parecer, à violações que são feitas por agentes internos.

 

Uma recomendação para as PMEs é fazer uma análise do real valor dos dados, a fim de identificar riscos potenciais diante de uma violação. Essa ação poderá colaborar de forma assertiva na definição das estratégias de dados, evitando a coleta de dados desnecessários. Sobretudo para essas empresas, pode ser difícil estabelecer as diretrizes para uma política de gestão de dados, uma vez que o cenário, muitas vezes, tem recursos escassos e até mesmo poucos colaboradores.

 

Abaixo, são apresentadas 4 sugestões que sua empresa pode seguir para começar a criar as estratégias de gerenciamento de dados. Basicamente, elas devem contemplar o mapeamento de quais dados são importantes para o negócio, capacidade para analisá-los, custos para proteger os dados e por quanto tempo mantê-los.

 

Confira:

 

1- Mapear a necessidade dos dados coletados de acordo com os objetivos do negócio

Evite a coleta de dados sem uma análise. Estabelecer cuidadosamente critérios para a coleta de dados ajuda não só a alcançar objetivos traçados, impactando no desempenho, mas também colabora na própria proteção desses dados sensíveis.

 

New Call-to-action

 

2- Capacidade para coletar, gerenciar e analisar os dados coletados

O próximo passo após a compreensão do valor dos dados para o negócio, é o de checar de forma bastante sincera se a empresa tem recursos tecnológicos e humanos que possam manipulá-los. De nada adianta coletar se não haverá equipes e processos capazes de gerenciar e analisar esses dados de forma que eles se tornem subsídios de valor para a empresa.  

 

3- Nível de segurança e custo para proteger dados sensíveis

A segurança deve ser uma preocupação em todas os setores, mas sobretudo os dados sensíveis pedem ações especiais que podem exigir mais recursos e ferramentas de proteção. Um exemplo de dados sensíveis são números de cartão de crédito, senhas e dados pessoais de usuários. Uma falha que exponha qualquer um desses dados pode significar um alto gasto em medidas de contenção de violação.

 

4- Estabelecer um tempo para manutenção de dados sensíveis

É bastante comum que as empresas recolham dados sem que estabeleçam por quanto tempo essas informações permanecerão em seu poder. Uma política interessante no gerenciamento de dados é justamente estabelecer um plano para eliminar dados após um tempo considerado ideal e relevante para seu uso nos negócios.

 

Fonte:

http://www.biztechmagazine.com/article/2017/03/5-questions-smbs-should-ask-about-data-they-are-collecting

 

Categorias: Data Center