<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora

5 dicas para evitar ataques ransomware na sua empresa

Publicado em 1/ago/2016 5:00:00

Proteja sua organização desse tipo de ameaça digital com essas dicas.

5 dicas para evitar ataques ransomware na sua empresa

 

Anteriormente uma ameaça à segurança online para usuários domésticos e pequenas empresas, os ataques ransomware, um malware sequestrador de dados, hoje se confirma como uma ameaça popularizada. Para se ter uma ideia do tamanho do problema, na América Latina, o Brasil é o líder nesse tipo de ataque e o quarto no mundo, de acordo com pesquisa da Kaspersky Lab.

Esses ataques acontecem por meio da entrega de e-mails spam ou phishing e os usuários são enganados ao clicar nos links maliciosos, deixando sistemas, dispositivos e arquivos inacessíveis até que seja realizado algum tipo de pagamento. É um sequestro das informações.

Para proteger dados e ativos das empresas desses ataques, as organizações devem adotar medidas de segurança para ciberataques que incluam toda infraestrutura, do armazenamento até as redes móveis.

Especialistas apontam que esses tipos de ataques obtiveram cada vez mais êxito porque um em cada 3 profissionais de segurança está disposto a pagar para a recuperação de dados. Os números são ainda maiores quando os questionados são profissionais cujas empresas já foram alvos de ataques ransomware.

Mas o que sua empresa pode efetivamente fazer para se proteger? Confira algumas dicas de profissionais na área:

 

1- Manter uma cópia de seus dados em backup

Uma das primeiras indicações é sempre fazer backup de seus dados. Existem inúmeras formas de fazê-lo automaticamente, para um servidor externo ou mesmo opções de configurações automáticas em Nuvem. Estes serviços podem proteger você e sua empresa também em casos de algum desastre físico, como terremotos, incêndios, entre outras intempéries da natureza. Caso essa opção não seja automática, o ideal é ter um calendário programado para lembrar a última vez que um backup foi executado. O ideal é que seja feito semanalmente, pelo menos.

 

2- Atenção aos e-mails

Verifique sempre a origem das mensagens de e-mail. Em caso de dúvida, é melhor checar sempre com o remetente o envio da mensagem e evitar abrir anexos. Cuidado com e-mails de remetentes similares. Uma simples troca de letras no endereço de quem enviou pode ser o sinal de que é uma mensagem com más intenções.  

8 Dicas de Segurança para Pequenas e Médias Empresas

  

3- Educação dos usuários para casos de phishing

É importante que os usuários sejam sensibilizados a respeito das táticas usadas nesses mecanismos que possam levar as pessoas a clicar em links maliciosos e anexos. Nesse caso, ensinar boas práticas de navegação na internet e uso de e-mails é um grande aliado para evitar cair nessas armadilhas. E essa abordagem pode ser feita de muitas formas, como tutoriais ou mesmo a conscientização dos colaboradores por meio de treinamentos. Informe a equipe de ataques recentes e como eles podem aparecer nas máquinas, pedindo para que não cliquem e não compartilhem informações que não tenham certeza se são seguras.

Os funcionários, nesse caso, acabam atuando como vigilantes e ficam mais atentos na identificação de phishing, uma vez que elas podem vir de fontes confiáveis, como amigo, colega de trabalho até de uma loja de preferência do usuário.

 

4- Seja adepto da computação segura

Atualize programas, softwares e aplicações, uma vez que uma das técnicas utilizadas pelos autores ransomware é explorar vulnerabilidades em aplicações de software populares, como Adobe Reader, Adobe Flash, Java, Google Chrome, iTunes, Skype e Firefox. Mantenha-se sempre atualizado com a versão mais recente dessas aplicações, uma vez que elas fornecem proteção contra ameaças online.

 

5- Controle o acesso

Limite o acesso a dados e compartilhamentos. Mantenha dados de trabalho e dados pessoais em arquivos distintos e não permita que membros da família utilizem dispositivos que são usados no trabalho. Esses cuidados simples podem minimizar as ameaças.

No caso de você já ter sido exposto a um ataque, o ideal é se desconectar para evitar a propagação do malware para demais sistemas ou mesmo outros dispositivos.

 

Fontes

https://www.helpnetsecurity.com/2016/05/30/ransomware-tips/?utm_source=feedburner&utm_medium=feed&utm_campaign=Feed%3A+HelpNetSecurity+%28Help+Net+Security%29

http://itforum365.com.br/noticias/detalhe/120263/5-dicas-para-proteger-a-empresa-do-ransomware

http://www.zillion.com.br/site/dicas-de-ti/6-dicas-para-evitar-os-ataques-de-ransomware-que-vao-sequestrar-os-seus-dados

 

Categorias: Segurança, Ransonware