<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora

5 maus hábitos de TI que podem atrasar os negócios

Publicado em 13/mai/2019 5:00:00

Alguns costumes dos profissionais desse setor podem ser muito prejudiciais, atrasando os processos e a eficiência da empresa. Por isso, precisam ser corrigidos.

 

5 maus hábitos de TI que podem atrasar os negócios

 

Todo departamento desenvolve alguns maus hábitos com o passar do tempo e com a TI não seria diferente. Alguns gargalos cometidos pela equipe podem acarretar em perda de foco, baixa produtividade, entre outros contratempos que podem prejudicar a empresa como um todo.

Dessa forma, é necessário identificar e compreender quais são esses hábitos ruins para que eles possam ser corrigidos e abandonados da melhor forma possível.

A criação de um plano de ação, por exemplo, pode ajudar nessa tarefa. Para isso, é necessário enumerar todos os maus hábitos que atrasam a TI e definir as estratégias que serão tomadas para corrigi-los.

Ao abandonar esses costumes ruins, é possível otimizar a equipe, tornando-a mais produtiva e eficiente. Por isso, se sua empresa sofre com essa situação, está na hora de resolver o problema.

Quer acelerar o seu departamento de TI? Confira a seguir os principais maus hábitos desse setor e aprenda a contorná-los.

 

5 maus hábitos da TI

 

1. Ignorar a governança

A governança é um conjunto de normas e políticas responsáveis por manter o setor de tecnologia alinhado com as estratégias de negócio da empresa.

Quando esse setor a ignora, os prejuízos podem ser grandes para sua organização. Isso acontece porque a TI deve trabalhar em conjunto com os outros departamentos para ser capaz de atender as necessidades da empresa como um todo.

Portanto, para evitar que a governança seja ignorada, é preciso transformá-la em um ponto importante da cultura organizacional. Assim, fará parte da rotina de todos os colaboradores e, consequentemente, estará fortemente presente no dia a dia da TI. 

Ao tomar essa atitude, a o setor passará a trabalhar de forma mais alinhada com o restante dos departamentos, agregando valor aos negócios.

 

Baixar e-book grátis


2. Não falar a língua dos demais funcionários

Os profissionais de tecnologia, muitas vezes, têm o costume de usar muitos jargões específicos da área, os quais não são compreendidos por qualquer pessoa.

Ao falar apenas uma linguagem mais técnica, a TI prejudica sua integração com as outras áreas da empresa. Esse afastamento prejudica o relacionamento interno, afastando essa equipa das tomadas de decisões importantes.

Portanto, é preciso evitar a utilização de apenas expressões técnicas, principalmente em reuniões com a diretoria. Quando os assuntos de tecnologia conseguem ser entendidos pelos superiores, é possível utilizá-los para resolver problemas de forma mais estratégicas e eficiente.


3. Não se preocupar com a experiência dos usuários

Para garantir maior rapidez, às vezes alguns pontos são deixados de lado na criação dos sistemas de trabalho utilizados nas organizações. O problema é que isso pode afetar a experiência dos próprios usuários.

Portanto, sejam usuários internos ou externos, é crucial que a TI escute seus feedbacks e não deixe de lado suas exigências e necessidades.

4. Querer manter infraestruturas de hardware

A Cloud Computing tem revolucionado os sistemas corporativos, transformando a forma como as empresas trabalham. Sua vantagens podem se tornar verdadeiros diferenciais estratégicos para os negócios, como maior segurança, mobilidade, flexibilidade e outros.

No entanto, muitos profissionais de tecnologia ainda mantém uma visão centrada em hardware. Isso pode atrasar a capacidade de sua organização de se inovar e melhor sua posição no mercado.

Portanto, é necessário que a TI realize um planejamento para definir quais aplicativos e serviços realmente são mais vantajosos quando utilizados em on-premise, o restante deve ser migrado para a Nuvem.


5. Forçar inovações na empresa

Após a Transformação Digital, diversas ferramentas e soluções tecnológicas modernas têm surgido no mercado diariamente. Para acompanhar essas inovações, muitas empresas começam a implementar novas tecnologias sem nenhum preparo.

A TI não deve cultivar esse mau hábito e empurrar soluções modernas para sua empresa sem analisar primeiro se elas realmente serão vantajosas para os negócios.

Dessa forma, é preciso analisar essas ferramentas e entender como elas poderiam ajudar a empresa, antes de realizar a implementação.

Quando esse setor está bem alinhado com as estratégias da empresa pode proporcionar grandes vantagens competitivas para os negócios. Portanto, não deixe que maus hábitos atrasem a qualidade dos serviços de sua organização.

Categorias: Carreira em TI