<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

6 tecnologias disruptivas que afetarão os negócios em 2020

Hoje não é possível falar de tecnologia de maneira isolada. É como se todos os dispositivos estivessem interligados.

 

A tecnologia está cada vez mais presente na vida da população. A comunicação, a maneira de consumir e até mesmo as empresas estão dependentes do avanço da TI

É difícil pensar no mundo sem ela e prova disso é que dispositivos simples como o smartphone, proporcionam diversas facilidades no dia a dia dos usuários. Dificilmente encontramos alguém sem o acesso à internet e muito menos sem um aparelho celular em mãos.

Outra grande dificuldade é falar sobre tecnologias de maneira isolada, já que muitas funcionalidades estão interligadas e dependentes uma da outra. É o caso da Cloud Computing, que pode ser acessada por um smartphone, desde que tenha acesso a internet.

Mas, por falar em tecnologia, como saber quais as melhores para as empresas no futuro?

Confira 6 tendências em tecnologias que podem alavancar o mercado em 2020 

As tecnologias já fazem parte da vida da população e também das empresas. Inclusive há quem diga que os robôs podem roubar muitos empregos, mas será que este momento já chegou e a inteligência virtual está realmente pronta para esta façanha?

Com o avanço da tecnologia e muitas novidades surgindo rapidamente, é preciso estar atento às tendências e saber qual o momento certo para investir nas ferramentas que prometem alavancar os negócios em 2020. Confira!

1 - Cloud Computing

A primeira tecnologia que todos devem deter a atenção, mesmo já sendo muito utilizada, é o armazenamento em Nuvem.

Há muitas empresas que fornecem inúmeras soluções e cada aplicação pode ser útil para um determinado mercado. Mesmo que sua empresa já utilize serviços na Nuvem é sempre importante acompanhar as inovações referentes a ela.

2 - Big Data

Esta tecnologia refere-se a captação, armazenamento e tratamento dos dados. Como todo o processo tecnológico está interligado, o Big Data e o armazenamento em Nuvem também.

A Nuvem tem capacidade de escalar grandes volumes de dados de forma dinâmica. Por isso, a grande quantidade de dados analisados podem ser particionados por meio dos servidores na nuvem, facilitando o processo e realizando as ações desejadas com plataformas do Big Data.

3 - RPA - Robotic Process Automation

Outra grande tendência é a automação de processos robóticos, que nada mais é do que delegar certas funções para as máquinas. O RPA é ideal para as empresas que atuam com trabalhos repetitivos e podem otimizar a mão de obra e produzir mais.

Com o RPA, uma empresa pode configurar um software (ou um “robô”) que capture e interprete aplicativos para processar uma transação, manipular dados, desencadear respostas e comunicar-se com outros sistemas digitais.

4 - DataOps

A tradução desta funcionalidade é Operação de Dados. Podemos concluir estas operações como o trabalho por trás dos dados. É a análise, o estudo e o tratamento das informações obtidas por meio da tecnologia utilizada pela empresa e seu software.

As tecnologias precisam de dados para manter suas funcionalidades e o DataOps trata exatamente esta vertente. A funcionalidade desta metodologia valoriza a entrega contínua de insights analíticos com o principal objetivo de satisfazer o cliente, identificar e antecipar possíveis erros, solucionando rapidamente os processos por meio da operação analítica dos dados.

5 – Realidade Aumentada

A Realidade Aumentada não poderia ficar de fora do avanço tecnológico em 2020. Um dos principais motivos pelo qual ela é ainda muito cotada é sua capacidade de permitir que o usuário tenha a melhor experiência antes mesmo de adquirir determinado produto.

Diferente da realidade virtual, que cria um ambiente totalmente novo e independente do mundo real, a realidade aumentada inclui elementos virtuais que interagem com o que já existe.

6 - Internet das Coisas

Para finalizar as dicas de tecnologias para 2020, não poderia ficar de fora o IoT. Suas possibilidades são inúmeras, a Internet das Coisas está transformando nossa relação com a tecnologia.

Por que investir em IoT? Os dispositivos vestíveis, como relógios inteligentes e fones de ouvido para monitoramento de exercício, estão começando a fazer parte da vida das pessoas.

Esses objetos são clássicos exemplos de dispositivos conectados que integram a Internet das Coisas e estão presentes na vida pessoal do usuário.

A sua empresa já está preparada para o futuro próximo?

Posts relacionados

Como as revendas de TI podem ajudar os clientes com a Transformação Digital?

Entenda como seu canal de TI pode agir ativamente para contribuir com a adaptação dos clientes nesse processo.

Capex e Opex: como otimizar os investimentos em TI?

Escolher entre um e outro requer a consideração do cenário atual da empresa e as peculiaridades do projeto.

Deep Learning: o que é e como pode ajudar as empresas?

Esse conceito é derivado do Machine Learning e é capaz de treinar computadores para aprender e realizar tarefas como se fossem seres humanos.

Escreva seu comentário