<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Partner Portal
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis
  • Serviços Gerenciados Cisco Meraki
  • Partner Portal
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis
  • Serviços Gerenciados Cisco Meraki

O que é um Data Center?

Publicado em 10/set/2013 9:17:00

Os Data Centers têm papel fundamental no bom funcionamento de diversos serviços do nosso dia a dia.

oqueédatacenter blog resized 600

Data Center, ou Centro de Processamento de Dados, é um ambiente projetado para concentrar servidores, equipamentos de processamento e armazenamento de dados, e sistemas de ativos de rede, como switches, roteadores, e outros. Por isso, é considerado o sistema nervoso das empresas.

 

Com a finalidade de abrigar milhares de servidores e bancos de dados, e processar grandes quantidades de informação, os equipamentos geralmente são montados em racks ou armários metálicos. Possuem proteção contra incêndios, além de sistemas de resfriamento dos racks, para manter uma temperatura estável. Na maioria dos casos, ficam localizados em grandes galpões com acesso restrito de funcionários, por questões de segurança.

 

Esses espaços são fundamentais para serviços e atividades de diversos setores da economia: energia, iluminação, telecomunicações, Internet, transportes, tráfego urbano, bancos, sistemas de segurança, saúde pública, entretenimento, e muitos outros. A vida na maioria das cidades depende do bom funcionamento e da disponibilidade de um ou vários Data Centers.

 

Atualmente, eles têm capacidade de processamento quatro vezes maior do que os antigos DC’s, mesmo ocupando apenas 40% do espaço em comparação com os modelos mais antigos.

DCs Atuais 01 resized 600
Os Data Centers devem conter alguns componentes básicos para um bom funcionamento. Veja quais são eles:

 

Infraestrutura de Rede

 

O Data Center é um componente importante para qualquer departamento de TI. É, portanto, indispensável que seja concebido para oferecer os serviços de maneira flexível e dinâmica, acompanhando as tendências tecnológicas e de sustentabilidade que hoje são exigidas.

 

Duas das características-chaves de um Data Center são a escalabilidade e flexibilidade. Elas são necessárias para quase todas as atividades corporativas feitas na Internet atualmente. Por isso, os projetos de Data Centers devem ser desenhados com a infraestrutura adequada para suportar os serviços e sistemas da empresa permitindo seu perfeito funcionamento, e prevendo um crescimento futuro, com sua adequação às tecnologias emergentes.

 

O gigantesco crescimento do tráfego IP, é um exemplo disso. Alimentado por aplicações de novas mídia e pela demanda dos clientes por mais interatividade, personalização, mobilidade e vídeo, novas soluções de Infraestrutura de Rede estão sendo criadas. Redes IP de Próxima Geração (IP Next Generation) ajudarão a oferecer total escalabilidade, resiliência e eficiência para os serviços das empresas. Essas soluções fornecem uma plataforma convergente para que o Data Center possa responder positivamente ao aumento da oferta de serviços.

 

Além disso, as questões de infraestrutura incluem também o fornecimento de energia elétrica, ar-condicionado, rede de comunicação de dados, armazenamento, servidores e virtualização. Esses são outros pontos-chave para que o Data Center funcione com qualidade.

 

Segurança Física

A Segurança Física também é muito importante em um Data Center. Existem diversas diretrizes e boas práticas que devem ser consideradas. Veja algumas delas:

 New Call-to-action

- Garanta a proteção física do local: construa as paredes, portas e janelas do Data Center a fim de proporcionar segurança extra até mesmo contra desastres naturais.


- Instale gaiolas e armários: com essas estruturas é possível garantir mais segurança para switches, roteadores, discos rígidos, entre outros componentes do DC.


- Instale sistemas de controle de acesso eletrônico: com isso, o acesso a todos os pontos do Data Center ficam protegidos por mecanismos de controle de acesso eletrônico, permitindo que apenas pessoas autorizadas entrem no estabelecimento.


- Crie um processo de provisionamento: qualquer indivíduo que solicitar acesso ao Data Center deve ser registrado em um sistema, para assegurar a segurança dos dados.


- Instale alarmes: todas as áreas de um Data Center devem possuir alarmes para prevenir possíveis invasões e maior efetividade na tomada de providências.


- Estabeleça uma equipe de segurança: defina uma equipe eficiente para realizar uma série de tarefas diariamente, tais como monitorar alarmes, treinar agentes de segurança para emergências, monitorar acessos não autorizados, ajudar todos os colaboradores que possuem acesso ao Data Center, controlar o acesso através da confirmação de identidade do colaborador, além de passar relatórios de monitoramento e responder a chamadas telefônicas e de rádio.

 

Ainda existem outras políticas de segurança, entretanto essas são algumas das mais importantes.

DCs Atuais 02 resized 600

Refrigeração e Energia

 

Bons sistemas de refrigeração e energia garantem o funcionamento adequado dos equipamentos e dos sistemas dentro de um Data Center. A refrigeração tem como função manter a temperatura do ambiente nos níveis corretos, para que tudo opere perfeitamente e sem oscilações muito grandes, o que é extremamente prejudicial para a operação do DC. Já com relação ao fornecimento de energia, é imprescindível que o abastecimento dessa fonte seja constante, pois se houver oscilações, a eficiência de trabalho do centro de dados diminuirá, o que pode causar transtornos às empresas que contrataram o serviço.

 

Geralmente, para evitar danos e problemas com o provisionamento de energia, o sistema todo é composto por no-breaks e geradores, além de ser alimentado por mais de uma substação de energia. Isso garante rendimento e eficácia ao sistema.

 

Tipos de Data Center

Normalmente, os Data Centers são divididos em duas categorias principais:

 

Data Center Privado (PDC) 

 

Os DCs dessa categoria pertencem e são operados por corporações, instituições ou agências governamentais, com a finalidade de armazenarem dados de processamentos internos e também para serem utilizados em aplicações voltadas para a Internet, como por exemplo, manter um site governamental.

 

Internet Data Center (IDC) 

É gerenciado por um provedor de serviços de telecomunicação. O objetivo principal desse Data Center é fornecer serviços de hospedagem de sites e de equipamentos de empresas, bem como serviços de conexão de Internet, armazenamento de conteúdo, entre outros. Um serviço bastante utilizado no IDC é o Co-location, que consiste na locação de um servidor exclusivo para o usuário, instalado e operado dentro da estrutura do provedor desse serviço.

 

Esse formato proporciona alta escalabilidade, ou seja, em caso de necessidade de ampliação dos servidores ou equipamentos, essa ampliação pode ser feita instantaneamente pelo provedor, o que traz uma otimização de custos de operação e manutenção, monitoramento constante e um backup de dados, o que garante o bom funcionamento do serviço.

 

Modelos de utilização

Os Data Centers podem ser utilizados de diversas formas, mas três modelos se destacam: o Corporativo Monolítico, Corporativo Compartilhado e o ASP.

 

Corporativo Monolítico

 

- pertence a uma única empresa e não é compartilhado (Data Center da Cisco, por exemplo).


- terceiriza toda a infraestrutura física e lógica, as operações e a gestão dos processos informatizados da empresa. O provedor de serviços é quem analisa quais ferramentas e recursos como sistema operacional, banco de dados, redes e aplicações atenderão melhor às necessidades da companhia.


Corporativo Compartilhado

 

- se utiliza de uma infraestrutura comum a diversas empresas.

 

- terceiriza as operações e a gestão dos processos informatizados e as encaminha para o provedor de serviços, deixando-o responsável pelos processos operacionais da área de TI.

 

ASP

 

- se utiliza de toda a infraestrutura e sistemas através de um serviço alocado fora da empresa.


- a empresa utiliza toda e infraestrutura, sistemas e recursos por meio de prestação de serviços, locando aplicativos, softwares, espaço para armazenamento de dados, além de capacidade de processamento em servidores. Neste caso, a empresa não necessita de nenhum tipo de licenciamento de softwares, aplicativos, banco de dados ou sistemas operacionais, pois todos esses recursos são fornecidos pelo provedor como um serviço, alocado no espaço do próprio provedor.

 

 

 

Quer saber mais sobre Data Centers? Veja nosso infográfico "Data Center e os benefícios da migração para a Nuvem" e nosso post "Como proteger Data Centers?".

Categorias: Data Center