<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Partner Portal
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis
  • Partner Portal
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis

As tendências em tecnologia na Educação (parte 2)

Publicado em 14/jan/2014 10:00:00

Entenda a mudança na relação entre professores, pais e alunos.

140114 Educação blog resized 600 

Após inúmeras experiências feitas em vários países, algumas escolas e universidades estão adotando novas abordagens de ensino, nas quais professores e estudantes se tornam co-alunos, transformando as salas de aula em um local de aprendizado colaborativo. A ideia é fazer com que os estudantes participem mais das aulas e não sejam apenas direcionados ou instruídos por um docente, dando a eles oportunidades de agir como mentores, auxiliando outros alunos e, em alguns casos, os próprios professores.

Esse novo cenário pode oferecer aos alunos um panorama mais atual sobre o sistema educacional e maior independência no aprendizado. Um exemplo interessante sobre isso é o da Consolarium, empresa que cria métodos de aprendizagem baseados em jogos. Ela testou seus produtos em algumas escolas da Escócia e conseguiu inverter a relação professor/aluno oferecendo às crianças a oportunidade de se tornarem especialistas nos jogos e atuarem como mentores para os seus colegas e professores. A ideia foi transformar alunos em pesquisadores envolvidos em todo processo de aprendizado, passando pelos seus objetivos pessoais, até na participação na escolha de um professor. Esse conceito é chamado de Flipped Classroom, que fornece uma personalização na abordagem do conteúdo.

O que devemos observar também é que a relação aluno/professor vem se transformando nos últimos anos devido ao Blended Learning. Esse tipo de aprendizado tem como princípio básico a utilização de gadgets por parte dos alunos para modificar e complementar o aprendizado. No ensino tradicional, o aluno assiste a aula e faz exercícios sobre o conteúdo em casa. Hoje, já é possível fazer o caminho inverso, ou seja, assistir a aula em algum dos gadgets e fazer exercícios em sala de aula, com auxílio do professor e dos colegas de classe. Esse é o futuro do ensino nas escolas e universidades, visto que 96% dos professores acreditam que a tecnologia em sala de aula aumenta o engajamento do aluno com o conteúdo. Além disso, 87% das crianças americanas preferem receber conteúdo digital ao invés de livros impressos.

Gráficos Comstor 10(600largura) resized 600

Outro ponto interessante, este já mais relacionado à participação dos pais no aprendizado da criança, mostra que alunos que possuem pais mais presentes em sua educação costumam adquirir um desempenho mais alto na escola. A tecnologia entra aqui como fator determinante. Com sistemas educacionais conectados e portais personalizados dedicados exclusivamente aos pais, é possível que eles se informem sobre as avaliações de seus filhos, notas, participação em aula, comportamento, e muitas outras informações. Além disso, é muito mais fácil participar de reuniões com professores e diretores, através de ferramentas de vídeo-chamada.

describe the image

As tendências em tecnologia na Educação (parte 1) 

Fonte: http://www.cisco.com/web/strategy/docs/education/CiscoEdBestPracticesWhitePaper-D2_V1.pdf

http://www.cisco.com/web/strategy/docs/education/Consolarium.pdf

http://www.pinterest.com/pin/140244975869821181/

 

Categorias: Tecnologia na Educação