<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora

Como a Inteligência Artificial está revolucionando a produtividade dos negócios?

Publicado em 14/nov/2018 5:00:00

Ao contrário do que se imagina, a tecnologia não está roubando os empregos dos humanos.

 

Como a Inteligência Artificial está revolucionando a produtividade dos negócios?

 

Um dos grandes mitos que rondam as novas tecnologias é o fato de que substituirão a mão-de-obra humana nas empresas, gerando grande desemprego em todos os setores.


Pesquisas têm mostrado bem o contrário, em que, especialmente a Inteligência Artificial está melhorando os fluxos de trabalho, aprimorando a colaboração e ainda acelerando a pesquisa e inovações.


De acordo com o Observatório do Ministério do Trabalho e Segurança Social (STPS) do México, o crescimento das vagas de emprego está sendo puxada pelo desenvolvimento tecnológico no país.


Um dos fatores que colabora para o aumento das vagas é a presença de empresas multinacionais do setor de TI demandando mão-de-obra local, para produzirem produtos e serviços para competição no mercado global.


Outro fator é o surgimento de cursos, certificações e especializações em tecnologia que está chamando a atenção dos jovens para a formação em algum dos setores voltados a este mercado, já que a demanda por mão-de-obra interna é alta.


Inteligência Artificial revoluciona a produtividade

Empresas que empregam AI em suas rotinas de trabalho puderam comprovar que houve aumento de eficiência das equipes, uma vez que grande parte do processo foi facilitado pela tecnologia.


Ferramentas são capazes de reconhecer imagens e documentos para ajudar a localizar contratos, faturas e identificar funções de entidades como compradores e vendedores. Também fazem uma pré-avaliação de cláusulas contratuais avaliando riscos e se atendem às diretrizes de conformidade.


AI também tem a capacidade de oferecer melhores previsões de vendas, ajudando a equipe comercial a segmentar clientes potenciais e fechar negócios. Assim como indicar o melhor momento para o envio de e-mails e ofertas.

 

Baixar e-book grátis


Para os gestores, a Inteligência Artificial, a partir do comportamento dos funcionários conseguem prever horas extras e controlar o envio de e-mails e outras demandas fora do horário comercial, sabendo que determinado colaborador acessa e-mail corporativo mesmo em horário fora do trabalho, podendo causar um processo trabalhista.


O Aprendizado de Máquinas também consegue avaliar o comportamento dos usuários individuais conectados à rede gerando relatórios que mostram o tempo gasto em reuniões, criando e-mails ou mesmo trabalhando fora do horário, além de apontar quais equipes estão sobrecarregadas, estimando os tempos para a entrega de cada projeto.


Enfim, são inúmeras possibilidades em que a tecnologia neste momento é apoio para a mão-de-obra humana. Mas para que os profissionais se mantenham no mercado, precisam ter conhecimento básico sobre os robôs e como deve ser a relação com eles.


Profissionais devem acompanhar o desenvolvimento tecnológico

A integração entre homem e máquina será sempre uma exigência e uma relação de dependência e, por isso, os profissionais que conseguirem acompanhar os desenvolvimentos tecnológicos e tiverem facilidade de atuar em consonância com os robôs, terão mais chances de se manterem no mercado.


A educação e o desenvolvimento de habilidades pessoais se tornam elementos fundamentais para que que os profissionais não sejam substituídos por processos de automatização. É importante que o trabalhador do futuro tenha conhecimentos básicos em ciências, matemática, economia e saiba aplicar esses conceitos na realização de tarefas do trabalho.


Para se competir com robôs cada vez mais inteligentes por um posto de trabalho, é essencial que os profissionais busquem por desenvolver habilidades como flexibilidade e adaptabilidade, somando a isso conhecimentos e habilidades comportamentais.

Categorias: Inteligência Artificial