<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL SYNNEX COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Como a TI pode ajudar diante de crises?

Momentos como o atual exige, medidas estratégicas para reativar o crescimento financeiro das empresas, e a TI tem papel fundamental no processo.

Em situações de crise financeira, é comum que as empresas busquem soluções para reter e economizar o seu capital, impactando o giro no mercado e prejudicando diversos setores da economia.

Diante desse cenário de instabilidades e constantes flutuações pecuniárias, as organizações precisam buscar alternativas para se manterem ativas na competição. Para isso, o investimento em tecnologia pode ser uma escolha inteligente para assegurar e melhorar o desempenho do negócio.

Visando facilitar a tomada de decisões em situações decisivas, preparamos este post. Acompanhe-o e entenda como a TI pode ajudar em meio a uma crise.

Por que investir em tecnologia durante uma crise?

A transformação digital trouxe diversas mudanças nas relações sociais do universo corporativo, principalmente nas que envolvem as demandas dos clientes. Por abordar diretamente a qualidade da experiência do consumidor, investir em tecnologia da informação passa a ser uma estratégia diferencial.

Em um cenário de crise, o relacionamento com o cliente pode ser fator decisivo para assegurar uma fechamento, por isso deve ser uma prioridade. 

Por meio do uso de ferramentas inovadoras, a empresa é capaz de oferecer um atendimento personalizado e tornar esse contato único, criando uma vantagem competitiva.

Além disso, a automatização de processos, uso de Business Intelligence (BI), emprego de inteligência artificial (IA), dentre outras muitas tecnologias, são recursos que impactam a análise preditiva de desempenho, facilitando a tomada de decisões estratégicas. 

Desta forma, a propensão é que os processos das empresas se tornem cada vez mais assertivos, ganhem velocidade, os custos operacionais sejam reduzidos, a qualidade dos serviços se eleve, a produtividades das equipes seja otimizada, e assim por diante.

A TI pode ajudar em meio a uma crise porque possui recursos inteligentes que garantem evolução estratégica, gerencial e operacional.

Como a TI pode ajudar em meio a uma crise?

Agora que você já entendeu como a TI pode ajudar em meio a uma crise, acompanhe a seguir algumas das suas principais atuações.

1) Incluir uma cultura DevOps 

A eficiência da gestão de TI, quando se refere a processos, ferramentas e obrigações, está diretamente ligada ao alinhamento entre os times de desenvolvimento e operações. O DevOps é uma tecnologia que oferece agilidade às entregas, porque trabalha esse elo de forma construtiva e inteligente. 

Assim, elimina  possíveis lacunas, melhora a performance da equipe de TI, reduz custos, otimiza a qualidade da produção, e mais.

2) Adotar metodologias de desenvolvimento ágil

Enquanto a cultura DevOps traz celeridade às entregas, metodologias de desenvolvimento ágil como o Scrum aproximam o desenvolvimento do core business da organização. 

O Scrum influencia a gestão e o planejamento de software por meio da sua velocidade de atuação; ele divide projetos em ciclos (os sprints), reduz a ocorrência de bugs, melhora a visualização do projeto, dentre outros, com precisão e rapidez.

3) Eliminar a burocracia

Com uma estrutura de gerenciamento muito rígida, com níveis hierárquicos inflexíveis e uma cultura organizacional pouco inclusiva, a empresa pode se tornar lenta para tomar decisões e assim, vacilar nas estratégias e perder o timing do mercado.

Em situações de crise, é indispensável que o CIO delegue tarefas e dê autonomia aos colaboradores, criando uma dinâmica baseada na confiança e na agilidade. A eliminação da burocracia na gestão de TI e a consequente concessão de maior liberdade à equipe facilita o surgimento de novas soluções.

4) Fazer outsourcing de TI

Outra maneira que a TI pode ajudar em meio a uma crise é realizando o outsourcing de algumas áreas, como Service Desk e Data Center.

Esse processo permite que a equipe de TI fique centralizada para se dedicar, com mais profundidade, às tarefas ligadas ao business. E assim, otimizar as chances da organização criar novas estratégias.

E um cenário de extremo dinamismo, altíssima concorrência e em que a única constante é a mudança, a capacidade das empresas se reinventarem por meio da tecnologia se tornou uma necessidade. Ainda mais em situações de crise econômica.

Consolidar maior eficiência, reduzir custos, aumentar a produtividade, otimizar a satisfação da equipe de trabalho, são alguns exemplos de como a TI pode ajudar em meio a uma crise. A atuação da tecnologia da informação deve ser uma prioridade para retomar o caminho do crescimento no mercado.

Posts relacionados

O futuro da segurança de rede está na nuvem

A transformação digital exigirá um Serviço de Acesso Seguro ao Perímetro (SASE na sigla em inglês) entregue na nuvem, já que a infraestrutura tradicional não é mais suficiente. 

Inteligência de dados: o que é e como utilizar a favor dos negócios?

É cada vez mais fundamental saber exatamente como agir diante dos clientes e mercado competitivo. Entenda como esse processo pode contribuir com as empresas nessa tarefa.

Qual será o “Novo Normal” da indústria 4.0?

Entenda como a adoção da Indústria 4.0 no cenário pós-pandemia será mais do que um imperativo estratégico, será uma necessidade.

Escreva seu comentário