<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora

Como eliminar o risco de segurança causado pelos dados redundantes?

Publicado em 5/jun/2019 5:00:00

O prejuízo causado pelos dados redundantes pode ir muito além do aumento no custo de armazenamento. Descubra três formas para proteger seus clientes.

 

 

Como eliminar o risco de segurança causado pelos dados redundantes?

 

A redundância de dados está presente nos servidores de qualquer empresa e entre suas principais consequências está o aumento no custo de armazenamento e de gerenciamento das informações.

Mas você sabia que essa redundância também pode indicar sérios riscos à segurança do negócio? Embora seja importante possuir mais de uma versão das informações, se não forem bem gerenciadas e protegidas podem abrir brechas para ação de cibercriminosos.

Sendo assim, o que pode ser feito para eliminar o risco trazido pelos dados redundantes? Isso é o que você descobre a seguir. Neste artigo, exploramos três das principais medidas que podem ser tomadas neste sentido. Continue lendo!


Não mantenha dados redundantes

Dado o enorme risco que representam para as empresas, tanto no que diz respeito à segurança quanto na gestão das informações, a melhor coisa a se fazer é não manter os dados redundantes.

Porém, eles também são importantes dentro das organizações e alguns precisam ser guardados. Sendo assim, o que fazer? A ideia é procurar manter a gestão das informações replicadas da forma mais eficiente possível.

 

Entre em contato

E, para isso, o gestor pode optar por fazer uma normalização de banco de dados. Trata-se de um processo de transformações em toda a estrutura do banco de dados, visando a eliminar os dados redundantes que não forem essenciais e as anomalias de inserção, atualização e exclusão.

Para a redundância que for essencial, o gestor pode procurar integrar suas soluções de gestão de dados com o objetivo de eliminar riscos. Um software CRM, por exemplo, pode ser integrado ao inventário de modo que as informações fiquem seguras em ambos os lados.

Dessa forma, todo risco desnecessário é eliminado, trazendo mais segurança e proteção para as informações.


Governança de dados

Desenvolver uma boa governança dentro da empresa é essencial para que ela consiga gerenciar suas informações e tirar proveito delas. Mas também pode ser uma ótima forma de eliminar os riscos trazidos pela redundância.

Isso porque, com dados bem estruturados, organizados e protegidos por políticas bem claras e definidas, fica muito mais fácil saber o que fazer com eles.

Além disso, também é possível contar com sistemas de governança, que permitem estabelecer políticas de uso, compartilhamento e acesso às informações da empresa, tornando tudo mais seguro.

Assim, mesmo que a duplicação exista, seu risco é amenizado por uma série de políticas a serem seguidas por todos.


Master Data Management (MDM)

Por fim, a metodologia de gerenciamento de dados mestre, Master Data Management, em inglês, também pode ser uma importante aliada na luta contra os riscos à segurança trazidos pela redundância de dados.

A MDM envolve uma série de tecnologias que dão uma visão única de todas as informações, proporcionando uma melhor compreensão dos relacionamentos e uma visão completa de todas interações. Ela também oferece uma maneira abrangente de vincular tudo em um único ponto de referência.

Dessa forma, mesmo com a redundância existindo, é possível lidar melhor com eles, ao passo que todos os conteúdos ficam mais protegidos. Porém, com o uso da MDM, a tendência é de que essa tendência seja drasticamente reduzida.

Com essas três medidas, é possível conviver melhor com os dados redundantes, eliminado os riscos que eles trazem e tirando o maior proveito possível deles.

Categorias: Segurança