<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora
  • Nextmove Security 2019
  • Baixar E-book
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Baixar agora

Como implementar uma cultura DevOps?

Publicado em 28/mai/2018 5:00:00

O alinhamento entre as equipes de desenvolvimento e operações simplifica a entrega de soluções em TI. Porém, é necessário garantir a integração.

 

Como implementar uma cultura DevOps?

 

Developments and Operations. Em português, Desenvolvimentos e Operações ou a sigla DevOps é um processo de trabalho em que equipes distintas relacionadas a TI desenvolvem boas práticas para que suas atividades sejam complementares para criarem um ambiente propício para gerarem inovações para um negócio.


A implantação de DevOps pode ser uma solução se os processos de integração e entregas contínuas (CICD) forem eficientes. São os dois pilares mais difíceis de se dominar e colocar em prática entre os outros que fazem parte do DevOps: infraestrutura em Nuvem, automação de testes e gerenciamento de configuração.


Na integração, testar um código novo, utilizando a base de um código já existente deve ser feita da forma mais rápida possível para identificar problemas e entregar rapidamente as soluções.
Já na entrega contínua, esse novo código precisa estar pronto para ser implantado no sistema a qualquer momento. Por isso que a equipe de desenvolvimento precisa estar completamente alinhada com a equipe de operação.


A comunicação entre as áreas deve ser clara, uma vez que um departamento desconhece as nuances e detalhes que fazem parte do outro lado da operação. O alinhamento de gestão também deve ser considerado, criando um fluxo de como as ações serão realizadas e quais os responsáveis por determinadas atividades.


Processos, ferramentas e responsabilidades passam a ser organizados e simplificados, com o objetivo de acelerar as entregas em produção, com qualidade. Além disso, as áreas passam a ser integradas para somarem esforços e reduzirem o tempo de resposta ao cliente, ou seja, o DevOps oferece uma melhor experiência de trabalho para os operadores de tecnologia.

 

Treinamentos Comstor Americas

 

DevOps acelera a Transformação Digital

 

Para muitos especialistas em tecnologia da informação, ter um departamento de TI capaz de se dividir em uma abordagem de TI Bimodal é um diferencial de negócios que pode gerar um valor gigantesco para a empresa, no que se refere à jornada de Transformação Digital.

No entanto, um ponto importante a ser lembrado é que essa abordagem não quer dizer que as equipes não conversam entre si e trabalham de forma completamente separada. Muito pelo contrário, essas equipes trabalham de forma altamente alinhada para atingirem os objetivos de TI. A diferença principal aqui é no foco das atividades.

Dentro do DevOps existe uma prática que ajuda os dois times a trabalharem de forma concisa: a automação das atividades da infraestrutura, como atividades de monitoramento do ambiente de TI, que possibilita o envolvimento mais rápido dos desenvolvedores em questões de configurações de ambiente.

Além disso, possibilita também que os profissionais de infraestrutura participem mais ativamente do processo de desenvolvimento, o que proporciona dois diferenciais importantes: um alinhamento do departamento de TI como um todo, já que todos os profissionais estão envolvidos com os dois lados do processo e uma redução de falhas de ambientes durante os testes e implementação, o que aumenta a agilidade de entrega da equipe como um todo.

 


DevOps é uma mudança cultural com ganhos além da TI

 

Uma nova mentalidade entre os departamentos de operações e desenvolvimento, que sugira colaboração, aprendizado mútuo, troca de informações e ideias é o principal ganho para um negócio.
O DevOps nada mais é do que a organização dos processos de trabalho que vão integrar essas equipes, para que, juntas, possam acompanhar as evoluções tecnológicas do mercado e discutirem se o negócio pode ser beneficiado ou não com as novidades, quais as melhores ferramentas para a empresa, quais as principais necessidades e onde estão os maiores gaps em TI.


Planejar, definir funções para cada membro, criar cronogramas e organogramas é, em resumo, a forma como deve-se implementar uma cultura DevOps em uma empresa.

 

 

Categorias: DevOps