<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Serviços Gerenciados Cisco Meraki
  • Baixar agora
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Serviços Gerenciados Cisco Meraki
  • Baixar agora

Como melhorar a gestão de processos de TI?

Publicado em 10/out/2018 5:00:00

8 dicas que podem mudar a forma como o departamento de TI é visto.

 

Como melhorar a gestão de processos de TI?

 

A gestão de processos de TI é uma abordagem disciplinar para primeiro criar um modelo de gerenciamento das atividades, depois uma de monitoramento, de medição e controle. É todo o desenho do processo de como a área de TI deve funcionar.


Toda empresa minimamente conta com uma abordagem desta, mesmo que de forma simplificada ou informal, definindo quem faz o que, como cada parte do sistema funciona, se interliga e formas de monitoramento e atualização de cada uma delas.


Para criar um método ainda mais eficiente e melhorar o gerenciamento de TI de empresas de qualquer porte, porém, existem algumas sugestões que podem ser colocadas em prática, como por exemplo:


1 – Diagnóstico do departamento de TI

Avaliar como o setor funciona, o número de colaboradores e função de cada um, quais as plataformas tecnológicas que a empresa tem contratada, quais as necessidades do negócio que vão impactar diretamente o departamento, quais os fornecedores. Enfim, fazer uma varredura pelo setor tentando identificar em quais pontos possa existir um gap e que poderia ser melhorado se houvesse algum tipo de inovação.


2 – Gerar sugestões

Depois do diagnóstico pronto, o ideal seria realizar uma reunião com os colaboradores e pedir sugestões de melhorias que poderiam ser realizadas não somente interpessoais, como também no sistema, nos contratos com terceiros, respondendo como o setor poderia ser mais eficiente atendendo as demandas geradas pelo negócio.


3 – Documentar um plano de ação

A terceira etapa é justamente analisar tudo o que foi discutido na reunião e avaliado durante o diagnóstico e criar um plano de ação. Quais ideias realmente serão colocadas em prática, de que forma, quais os responsáveis, os prazos, os custos e o objetivo final de cada ação, convertendo valor para o departamento frente aos gestores da empresa.

 

Release - Serviços Gerenciados Impulsionam vendas de soluções de segurança


4 – Monitoramento sistemático

Ideias colocadas em prática precisam agora ser monitoradas e medidas para saber se foram realmente eficientes. Se melhoraram ou pioraram os processos, gerando índices que comprovem a mudança.


5 – Aprimorar os controles

A máxima de que time que está ganhando não se mexe, vale para o controle das ações que estão dando certo. Se funciona bem para o departamento, se gera valor para o negócio e resolve questões importantes para a estratégia da empresa, precisa ser controlado para que não perca sua estabilidade.


6 – Diminuição do tempo de resposta

Com o processo organizado, fica mais fácil pensar em possibilidades para diminuir o tempo de resposta do departamento, seja para atender pedidos do público interno ou necessidades externas.


7 – Melhoria contínua

É muito importante manter essa sequência com maior frequência, mesmo porque a velocidade das mudanças tecnológicas é muito grande. Diagnóstico, lista de sugestões, atualização da documentação, monitoramento e controles dos sistemas feitos em intervalos mais curtos ou sendo trabalhado diariamente com pequenos ajustes ao longo da jornada de trabalho.


8 – Ter como meta a transformação do departamento de TI

Uma área que alcance resultados consistentes e alinhados com os objetivos estratégicos de uma organização é o objetivo final de qualquer gestor, de qualquer setor da economia e de qualquer porte de empresa. O departamento de TI não pode ficar de fora dessa mudança, especialmente porque no mercado atual, a dependência de tecnologia é muito grande e os especialistas precisam acompanhar as novidades, atualizando os sistemas dos locais onde trabalham.


Enfim, a gestão de processos de TI se resume basicamente em organização e preocupação em manter o funcionamento do departamento de forma eficiente e focado nas estratégias do negócio. Um bom gestor que se preze fica atento a todas as possibilidades que podem fazer com a equipe de TI se destaque sempre pelo lado positivo.

 

Categorias: Gerenciamento