<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Serviços Gerenciados Cisco Meraki
  • Baixar agora
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Serviços Gerenciados Cisco Meraki
  • Baixar agora

Modelos de gestão para empresas de TI

Publicado em 21/mai/2015 5:00:00

Buscar modelos inovadores e adequados têm sido um dos grandes desafios de muitos empreendedores de TI.

Modelos de gestão para empresas de TI

Ao analisar o mercado é possível perceber que a governança de TI nas organizações veio para ficar. Diante das inúmeras soluções apresentadas ao mercado para resolver os problemas do setor, a governança resistiu às críticas de especialistas e conseguiu se firmar como uma ferramenta capaz de alinhar a TI às estratégias de negócios da organização.


Na teoria, a governança de TI nada mais é do que a “gestão da gestão”, uma vez que permite a formatação transparente de papéis e de responsabilidades. Na prática, a governança de TI capacita o setor frente à expansão do negócio, promove uma ampla avaliação de suas estratégias baseadas no ROI, garante os níveis de serviço e de continuidade do negócio, aumenta a efetividade e a eficiência dos serviços, entre outros.


As características que as empresas de tecnologia possuem, são muitas vezes peculiares e destoam dos demais setores. Por esse motivo, acabam transformando seus modelos de gestão de maneira que eles sejam mais efetivos para um ambiente de extrema competitividade e mudanças constantes.


Existem modelos adotados pelas empresas de tecnologia que atualmente fazem sucesso em outros setores do mercado. Entretanto, a inovação na gestão continua sendo dessas empresas que precisam se adaptar rapidamente às mudanças de mercado. Um modelo tradicionalista de gestão, raramente contribui para um ambiente dinâmico como o das empresas de tecnologia.


Dentre os modelos de gestão inovadores para empresas de tecnologia é possível destacar: a ITIL (IT Infrastructure Library), o BSC (Balanced Scorecard) e o PMBOK (Project Management Book of Knowledge).

ITIL (IT Infrastructure Library)

A ITIL, é uma biblioteca composta das boas práticas para Gerenciamento de Serviços de TI. Atualmente, é o modelo mais utilizado quando se trata de suporte e entrega de serviços de TI. A ITIL não se trata de uma metodologia e sim de um conjunto de boas práticas adotadas em várias organizações. É apontada como uma das frameworks mais adequadas para o gerenciamento de serviços para os departamentos de TI.


A ITIL tem como principal função construir processos de alta qualidade e eficiência com foco no cliente. A partir de melhores práticas de mercado, ela independe de tecnologias para ser aplicada e melhora consideravelmente os controles internos de modo a reduzir custos e aumentar a satisfação do cliente.

 

14 dicas de marketing para revendas de TI

 

BSC (Balanced Scorecard)

O BSC (Balanced Scorecard) é uma metodologia que confronta a estratégia de negócio com o seu desempenho, desenvolvendo indicadores de performance para a empresa. O BSC está baseado em quatro perspectivas integradas: financeiro, clientes, processos internos e de aprendizado e crescimento. Como o BSC é uma metodologia que acompanha toda a gestão da empresa, é possível identificar o passado e prever tendências futuras, dando maior vantagem competitiva para a empresa de tecnologia por meio de diagramas de causa e efeito que demonstram como, quando e o porquê de cada situação.


O BSC evidencia as estratégias da organização e a área de TI precisa estar alinhada criando um plano tático que leve em consideração as metas definidas pela alta administração em termos de visão, missão, objetivos e indicadores.


O principal objetivo é mostrar as desvantagens de usar apenas medidas financeiras, incentivando as empresas a medir também fatores como qualidade e satisfação do cliente. Os métodos usados na gestão do negócio, dos serviços e da infraestrutura, baseiam-se normalmente em metodologias que podem utilizar a TI e os softwares de Gestão Empresarial (ERP- Enterprise Resource Planning) como soluções de apoio, relacionando-os à gerência de serviços e garantia de resultados do negócio. Os passos dessas metodologias incluem: definição da estratégia empresarial, gerência do negócio, gerência de serviços e gestão da qualidade; passos estes implementados através de indicadores de desempenho.

 

PMBOK (Project Management Book of Knowledge)

O PMBOK (Project Management Book of Knowledge), é um conjunto de boas práticas para gerenciamento de projetos compilado pelo PMI. Em sua estrutura, são considerados 5 grupos de processos: iniciação, planejamento, execução, monitoramento e controle, encerramento. E nove áreas de conhecimento a serem administradas: integração, escopo, tempo, custo, qualidade, RH, comunicações, riscos e aquisições. Para cada área de conhecimento, existem processos com entradas e saídas, além de técnicas e ferramentas necessárias à sua administração.


Os conhecimentos descritos no PMBOK são totalmente aplicáveis em projetos de TI. É aconselhável que se tenha conhecimento em alguma metodologia de desenvolvimento de software, no caso de projetos de desenvolvimento interno ou externo. Isso facilita a execução dos processos descritos no PMBOK no negócio TI.


O PMBOK pode ser implementado dentro da organização de forma evolutiva, principalmente quando não existe maturidade em gerenciamento de projetos. Assim, é possível começar a gerenciando o escopo e o tempo em um primeiro projeto, passando a contemplar custo e aquisições no projeto seguinte, até que todas as áreas de conhecimento sejam cobertas.


Fontes:
http://www.tiexames.com.br/ITIL
http://www.diegomacedo.com.br/balanced-scorecard-bsc/
http://www.techoje.com.br/site/techoje/categoria/detalhe_artigo/375
http://www.opservices.com.br/3-modelos-de-gestao-para-empresas-de-tecnologia/

Categorias: Revendas