<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Partner Portal
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis
  • Partner Portal
  • 7 benefícios da videoconferência: colaboração e comunicação a favor de bons negócios
  • 14 dicas de marketing para revendas de TI
  • Baixar agora
  • Baixar E-book grátis

O que é TI Bimodal?

Publicado em 9/nov/2017 5:00:00

A TI Bimodal representa uma reorganização do departamento de TI com objetivo de facilitar a transformação digital das empresas.

 

O que é TI Bimodal?

Já falamos anteriormente que as organizações que não se reinventarem por meio do uso de inovações tecnológicas e de novos modelos de negócios, ficarão para trás.

 

A transformação digital tem criado essa necessidade por altos níveis de qualidade no quesito operacional da TI, representando um grande desafio para os CIOs de empresas de todos os tamanhos. De acordo com o Instituto Gartner, a abordagem de TI Bimodal pode ajudar a resolver esse desafio.

 

O termo inventado pelos analistas do Gartner, Mary Mesaglio e Simon Mingay, buscava representar a necessidade das empresas em possuírem uma equipe de TI que atendesse às diferentes demandas que a TI passou a ter, ou seja, cuidar do âmbito operacional das tecnologias e participar da definição das estratégias de negócios.

 

O que isso significa? Significa que as empresas precisavam de uma equipe de TI que integrasse estabilidade e eficiência operacional com o planejamento estratégico de tecnologias para a evolução da organização no contexto da transformação digital.

 

Dentro desse cenário, para que os CIOs realizassem as mudanças estratégicas para iniciar a transformação do modelo de negócios das organizações, fez-se necessário a divisão da TI em uma abordagem com dois modos, daí o nome TI Bimodal. As equipes de TI então foram divididas em modo 1 e modo 2.

 

A do modo 1 é responsável por cuidar das rotinas diárias do departamento. Questões de cibersegurança, escalabilidade de soluções virtualizadas e em Nuvem, eficiência dos sistemas que conectam todos os negócios da organização, entre outros pontos importantes. Os objetivos desse time estão ligados à infraestrutura e à operacionalização da empresa.

 

O modo 2 tem como foco os processos de inovação. O objetivo dessa equipe é o de trabalhar com novas tecnologias para transformar o modelo de negócios e solucionar problemas. A introdução de soluções de automação de processos, do uso de um app para otimizar a experiência do consumidor, bem como do uso de tecnologias de IoT, por exemplo, passa pelo crivo deste time.

 

Para muitos especialistas em tecnologia da informação, ter um departamento de TI capaz de se dividir em uma abordagem de TI Bimodal é um diferencial de negócios que pode gerar um valor gigantesco para a empresa, no que se refere à jornada de transformação digital. No entanto, um ponto importante a ser lembrado é que essa abordagem não quer dizer que as equipes não conversam entre si e trabalham de forma completamente separada. Muito pelo contrário, essas equipes trabalham de forma altamente alinhada para atingirem os objetivos de TI. A diferença principal aqui é no foco das atividades.

Cisco Umbrella

Ainda assim, existe um ponto interessante dentro desse modelo de TI: o DevOps, que tem como objetivo principal melhorar a comunicação entre as diferente equipes de TI dentro de uma empresa. Dentro do DevOps existe uma prática que ajuda os dois times a trabalhar: a automação das atividades da infraestrutura, como atividades de monitoramento do ambiente de TI, que possibilita o envolvimento mais rápido dos desenvolvedores em questões de configurações de ambiente. Além disso, possibilita também que os profissionais de infraestrutura participem mais ativamente do processo de desenvolvimento.

 

Isso proporciona dois diferenciais importantes: um alinhamento do departamento de TI como um todo, já que todos os profissionais estão envolvidos com os dois lados da TI Bimodal e uma redução de falhas de ambientes durante os processos de testes e implementação, o que aumenta a entrega da equipe como um todo.

 

A transformação digital representa um projeto estratégico das empresas para otimizar diversos pontos como eficiência operacional e a geração de tecnologias inovadoras para a produção de novos produtos e serviços, alinhados com as exigências dos novos consumidores hiperconectados. E a TI bimodal surge como opção para otimizar, simplificar e facilitar a jornada digital das organizações.

 

 

Fontes:

https://www.netsupport.com.br/blog/ti-verde-sustentabilidade/

https://cloud21.com.br/computacao-em-nuvem/ti-verde-empresas-mais-sustentaveis-com-cloud-computing/

 

Categorias: CIO, TI Bimodal, Departamento de TI, Equipe de TI, Transformação Digital