<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">
canal-comstor-logo
O blog dos negócios de TI.
Comstor Americas
  • Cibersegurança para pequenas empresas
  • Baixar E-book
  • Westcon-Comstor lança o BlueSky Solutions Marketplace
  • Partner Portal
  • Baixar agora
  • Cibersegurança para pequenas empresas
  • Baixar E-book
  • Acesse agora
  • Partner Portal
  • Baixar agora

Por que projetos de RPA são o futuro das empresas de comunicações?

Publicado em 9/jan/2019 5:00:00

Ações repetitivas são absorvidas pelos robôs, que utilizam AI para antecipar os trabalhos.

 

Por que projetos de RPA são o futuro das empresas de comunicações?

 

Apresentamos em outro post no nosso canal o significado da sigla RPA e a importância desta tecnologia na automação dos processos.


Em resumo, RPA é a sigla para Robotic Process Automation, em português, Automação de Processos Robóticos.


No sistema que utiliza RPA, as máquinas realizam tarefas repetitivas, operacionais e de baixa importância, liberando a mão-de-obra especializada para atuar de forma mais estratégica em atividades que exijam fatores humanos, como julgamentos, sentimentos e a razão. Diferente da automação sem robô, que imita os comandos humanos em um processo e diminui somente a necessidade de repetições.


É uma ferramenta que se distingue da automação tradicional de TI justamente pela utilização de robôs baseados em Inteligência Artificial (AI).


Redução de custo com pessoal e diminuição dos erros humanos nos processos repetitivos são os principais benefícios desta automação.


Entre os desafios da RPA está a capacidade que ela tem de eliminar empregos e, desta forma, trazer uma nova questão aos CIOs: capital humano das empresas e a retenção de talentos.


Outros pontos são a complexidade dos sistemas, além do tempo que leva para configurar os robôs e persistir até que funcionem com menor margem de erro possível e os custos de implantação das ferramentas, que podem ser inicialmente elevados.


Projetos de RPA são o futuro das empresas de comunicações

Empresas que tem muito dos seus processos repetitivos, veem na RPA a sobrevivência de seus negócios em médio e longo prazo. Um dos exemplos é a empresa de comunicações e marketing RR Donnelley & Sons Co., sediada em Chicago, que implantou 20 projetos de RPA para automatizar tarefas manuais de preparação de documentos.


Empresas contratam a RRD para preparar documentos de envio aos clientes, baseados em banco de dados, como por exemplo, extratos bancários e resultados de exames médicos. A preparação desses documentos passou a ser todo robotizado com RPA para que os esforços de seleção de dados não sejam feitos mais de forma manual.


Com o auxílio da Inteligência Artificial empregada na tecnologia, os relatórios apresentam dados mais importantes para cada cliente em destaque. Um cliente, por exemplo, que entra no sistema do banco para ver somente o saldo da conta, recebe o número já como primeira informação em seu relatório.

 

Baixar e-book grátis

 

Um paciente que vai olhar um resultado de sangue no sistema do laboratório e pula todas as páginas anteriores para checar primeiramente as taxas de colesterol, teria um relatório personalizado, com este índice sendo priorizado.

 

Além de oferecer uma nova experiência para os clientes, as empresas deste tipo de comunicação conseguem fazer todo o trabalho de forma automatizada, sem precisar de mão de obra humana.


Especialistas acreditam que a tecnologia é um grande combustível para a Transformação Digital e o Gartner confirma as boas expectativas do mercado apontando que os investimentos em RPA alcançarão US$ 1 bilhão nos próximos 2 anos, tendo um crescimento de 40% do uso de ferramentas de automação de processos robóticos por grandes corporações.

 

Categorias: Automação