<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Qual a relação entre mobilidade e segurança?

Entenda como esses dois conceitos se relacionam e como as empresas são impactadas.

 

Manter a segurança da informação é um desafio cada vez mais complexo para as empresas. É necessário se manter atualizado e investir em tecnologias mais potentes e modernas para que seja possível garantir a proteção dos dados corporativos.

Isso porque o crescente acesso a dispositivos móveis no ambiente de trabalho aumentou as vulnerabilidade dos sistemas, abrindo brechas para ciberataques, os quais estão mais modernos e inteligentes.

Essa nova realidade de hiperconexão e mobilidade da sociedade exige que as empresas criem novas estratégias e adotem tecnologias mais eficientes para garantir a proteção de suas informações.

É exatamente sobre isso que trataremos neste artigo. Confira a seguir qual é a relação entre mobilidade e segurança e quais são as novas preocupações que as empresas precisam enfrentar. Boa leitura!

A relação entre mobilidade e segurança

A mobilidade tornou-se uma tendência nos últimos anos, graças à Transformação Digital e a evolução das corporações. Esse termo refere-se a capacidade de acessar e compartilhar informações de qualquer lugar e horário.

Para lidar com esse novo cenário, as empresas precisaram passar por processos disruptivos, transformando seus ambientes, deixando-os mais modernos e flexíveis. Dessa forma, elas passam a garantir que suas informações estarão sempre disponíveis.

Isso pode trazer grandes vantagens para os negócios. Além de permitir um acesso mais amplo aos dados, ajuda a aumentar a produtividade dos colaboradores e reduzir custos com a compra de softwares e hardwares.

Nesse movimento, popularizou-se a prática BYOD (Bring Your Own Device), em que os colaboradores utilizam seus próprios aparelhos para trabalhar, aumentando ainda mais a mobilidade nas organizações.

A partir disso, o modelo de negócio das organizações se transformaram. A adoção da Cloud Computing e dos dispositivos móveis no ambiente de trabalho elevou a capacidade de mobilidade e, junto a isso, as preocupações com segurança de dados também cresceram.

Agora, as empresas precisam lidar com infraestruturas virtualizadas e diversos pontos de vulnerabilidades. Além disso, controlar os dispositivos utilizados pelos colaboradores, clientes e parceiros que utilizam a rede corporativa tornou-se uma tarefa mais complexa.

Por isso é necessário desenvolver uma estratégia de segurança da informação focada na mobilidade.

Como se preparar para lidar com a relação entre mobilidade e segurança?

Primeiramente, as organizações precisam aceitar o fato de que grande parte dos seus funcionários já estão utilizando seus smartphones para fins relacionados ao trabalho, tanto dentro e fora do escritório.

Desse modo é fundamental investir em tecnologias capazes de aprimorar projetos focados em mobilidade para garantir agilidade e disponibilidade aos dados e sistemas da corporação.

Aquelas empresas que querem ter um controle maior sobre esse novo modelo de trabalho, podem fornecer os dispositivos móveis que serão utilizados, garantindo que eles tenham níveis elevados de controle e segurança. No entanto, aquelas companhias que permitirem a prática BYOD devem criar políticas e regras de proteção bem estruturadas e efetivas.

Para garantir uma boa relação entre mobilidade e segurança, a empresa precisa contar com soluções de segurança reforçadas, capazes de realizar o gerenciamento dos dispositivos, administrar os tipos de acesso de cada usuário e ainda garantir uma experiência aprimorada ao usuário final.

Além disso, uma forma de gerenciar a mobilidade de forma inteligente é fechando parceria com empresas especializadas na gestão e segurança de dispositivos móveis. Assim, a organização pode se focar nas atividades importantes para os seus negócios, deixando o controle de mobiles para o provedor.

A mobilidade corporativa traz diversos desafios para as empresas, pois transfere grande parte do controle dos dispositivos e serviços para os usuários, aumentando a necessidade de cuidados de segurança e gerenciamento. No entanto, a versatilidade e eficiência conquistadas conquistadas proporcionam grandes vantagens para os negócios.

Posts relacionados

Segurança da informação: quais princípios as empresas precisam conhecer?

Para garantir uma efetiva proteção de dados, as empresas precisam conhecer os 3 pilares que sustentam a segurança da informação.

Sequestro de dados: quais os prejuízos para os negócios e como se proteger?

Esse ciberataque está fazendo cada vez mais vítimas e causando muitos danos para os negócios. Por isso é necessário seguir boas práticas para defender as informações corporativas.

5 mitos sobre segurança de rede de pequenas e médias empresas

Contar com uma infraestrutura de rede eficiente é indispensável para se manter no mercado e competir com as grandes corporações. Por isso conhecer os mitos que envolvem o assunto é indispensável.

Escreva seu comentário