<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=633097343493783&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

CANAL SYNNEX COMSTOR
O blog dos negócios de TI.

Qual o impacto de não estar preparado contra as ciberameaças atuais?

A recuperação de um ataque cibernético pode ser difícil e cara, se não impossível, para as empresas, dependendo da natureza do ataque.

 Qual o impacto de não estar preparado contra as ciberameaças atuais?

 

A recuperação de um ataque cibernético pode ser difícil e cara, se não impossível, para as empresas, dependendo da natureza do ataque. As novas ameaças, cada dia mais complexas e modernas, estão surgindo em um ambiente altamente dinâmico, o que se tornou um verdadeiro desafio para os profissionais de segurança.

Esta tendência tem transformando o cenário da cibersegurança e influenciando a maneira como as empresas coletam e gerenciam seus dados.

Ciberataques, fraude ou roubo de dados estão entre os mais prováveis riscos mundiais que as empresas continuarão a ser alvo, portanto é necessário se preparar corretamente para não sofrer os prejuízos causados por essas ameaças.

De acordo com o estudo comparativo de recursos de segurança da Cisco, mais da metade (54%) de todos os ataques digitais resultam em danos financeiros de mais de US$ 500.000, incluindo, mas não limitado, à perda de receita, clientes, oportunidades, e despesas. Esse valor é suficiente para tirar uma empresa de pequeno/médio de operação, permanentemente.

Confira o infográfico a seguir baseado no estudo da Cisco e veja o real cenário de ciberameaças atuais e os impactos que elas podem causar para sua empresa:

 

 Qual o impacto de não estar preparado contra as ciberameaças atuais?

Posts relacionados

A LGPD & as Instituições de Ensino

Finalmente, depois de idas e vindas, encontros e desencontros, informações e desinformações a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) entrou em vigor no dia 18 de setembro de 2020.  

Quais as principais dúvidas das empresas sobre segurança de endpoint?

Esse processo é responsável por proteger os dispositivos dos usuários conectados aos sistemas corporativos. Saber tudo sobre o assunto é crucial para a segurança da informação.

Gestão de vulnerabilidades: o que é e como colocar em prática?

Ataques virtuais e preocupações com cibersegurança trazem à tona termos como a gestão de vulnerabilidades e segurança de dados.

Escreva seu comentário